Corda aos Sapatos

Às vezes os maus momentos tornam-nos mais próximos daqueles que mais gostamos, daqueles que ficam para sempre. Esta acabou por ser uma ocasião para estar mais perto que nunca da família e isso são sempre boas notícias.

Dos vários momentos que guardo deste malogrado fim-de-semana há um que, por ser curioso, merece entrada directa aqui no blog: A minha prima mais velha, com quem falo muito menos vezes do que devia, contou-me que acha o máximo o nome que eu aleatoriamente escolhi para o blog. Porquê? Porque aparentemente (sinceramente, não me lembrava) quando eu era miúdo ela passava horas a tentar ensinar-me a apertar os sapatos e eu, por teimosia, não queria aprender... :-)

3 comentários:

choc^3 disse...

e já aprendeste?=P

Varandas disse...

Porque é que achas que ando sempre de chinelos? :P

Nônô disse...

Não querias aprender pois passavas a vida a chatear-me arranjar ideias malucas para brincar. E adoravas andar descalço... As dores de cabeça que dava a família com as minhas invenções para a criançada... IoI